Marraquexe e o CÃO encantador de SERPENTES

Aventura em Marrocos: Marraquexe, a cidade onde tudo acontece

Alguma vez ouviram falar na “cidade vermelha”? Pois é, Marraquexe é conhecida como “a cidade vermelha de Marrocos” e nós fomos explorá-la ao máximo com o nosso cão!
Curioso por saber como o Rafa foi recebido em Marraquexe? Desce para leres este artigo!

O calor era muito naquela manhã em Marraquexe, mas nem assim deixámos de querer conhecer um dos principais pontos da nossa passagem por Marrocos. A conhecida praça Jemaa El Fna, na medina! Um centro onde tudo converge, capaz de nos transportar para realidades bem conhecidas do cinema internacional! Ali, tudo existe, desde as souks (lojas) onde se vende de tudo um pouco, até a contadores de histórias, malabaristas, videntes, aguadeiros, músicos, dentistas. Sim, leste bem, dentistas em plena praça pública! Não temos a certeza é se será seguro arrancar um dente ali…fica a dúvida no ar. 😛

Rafa, o cão encantador (ou caçador) de serpentes

Serpentes. Sim, Marraquexe é também conhecida pelos “encantadores de serpentes” e talvez esta ideia possa ser um pouco arrepiante para alguns dos nossos leitores, mas tanto nós como o Rafa estávamos ansiosos por poder ver e tocar nestes animais! De qualquer forma, até chegarmos à praça Jemaa El Fna, tínhamos ainda um sem fim de ruas a percorrer, todas bastante estreitas com diferentes ambientes, cores e cheiros. As pessoas circulavam no mesmo espaço que motas e até carroças! Em todas estas ruas, o nosso cão foi a estrela principal, constantemente abordado para tirar fotografias. Facto é que, até ao momento, não era comum ver cães a passear pelas ruas, daí que a passagem do Rafa fosse sempre motivo de admiração.

Chegados à praça, repleta de gente e de muitos, muitos vendedores ambulantes, dirigimo-nos de imediato à tenda dos encantadores de serpentes que logo sem avisar, passaram uma das serpentes para as mãos da Sara. O Rafa não achou graça à brincadeira, de tão curioso que estava para a cheirar, daí que optámos por manter uma distância de segurança entre estes dois, não fosse o diabo tecê-las. 🙂

De forma a tentar perceber melhor o quotidiano desta cidade, decidimos afastar-nos um pouco das zonas mais turísticas, onde as ruas, menos movimentadas, se tornavam mais espaçosas e calmas. Ao longe, ainda se ouviam a música e os sons daquela medina tão animada.

Depois do calor, um hotel encantado!

Os planos eram de compras e de mais passeios a pé pela zona mais recente de Marraquexa mas admitimos…estava um calor descomunal naquela tarde! Decidimos jogar pelo seguro, ir para a piscina do hotel e aproveitar para tirar umas fotografias assim meio que artísticas, como podem ver nas imagens abaixo. Sim, o Rafita também fez algumas poses, como não podia deixar de ser! 🙂

Não sabíamos que existiam hotéis dignos de filme, até conhecermos o Fellah Hotel. Ali, a natureza e o decay misturavam-se com o luxo do que é um hotel de cinco estrelas. Moderno e trendy, mas muito acolhedor, é um espaço que convida a fotografar para o Instagram, pois já foi palco de diversas sessões fotográficas para marcas bem conhecidas como a Vogue ou a Bershka. Por um lado, uma biblioteca a perder de vista; por outro, zonas de piquenique, gatos e até burros a pastar!

Este hotel é absolutamente pet friendly, pelo que também é permitido que os cães tomem banho numa das piscinas. Se és amante de animais mas também gostas de pequenos luxos, este é o hotel perfeito para ti!
Os mais invejosos podem dizer que é montagem, mas não é! Afinal, no Fellah, este carro antigo existe mesmo! Mas sem motor, para que ninguém se aventure!

Assim, a nossa estadia em Marraquexe terminou com um ótimo jantar ali, bem perto do hotel, onde mesmo à noite, as temperaturas não oscilavam muito, qual clima tropical! 🙂 Clica aqui para veres o vídeo da aventura completa por Marraquexe!
Na madrugada seguinte seguimos viagem à descoberta das Montanhas do Atlas. E tu, vais acompanhar-nos? Ficamos à tua espera no próximo artigo!

Beijinhos, abraços e lambidelas

Sara, Pedro e RAFITA 🐶

por:

TUGA.ME team