Fronteira de Marrocos com cão, é PERIGOSO?

Aventura em Marrocos: de Algeciras a Tânger com um carro e um cão a bordo

A aventura estava prestes a começar mas…e como fizemos para atravessar a fronteira de Marrocos e levar o carro? E o Rafita? Quais as obrigações e documentos necessários para levar um animal de estimação para um país Africano?
Fica por dentro de todos estes pormenores neste artigo!

Acordámos cedinho, bem cedinho para começar esta aventura. Do Porto até Algeciras para seguirmos viagem de ferry com o nosso carro até à fronteira de Marrocos. Mas antes de iniciar a travessia de barco propriamente dita, as burocracias são ainda demoradas. Afinal, não é todos os dias que um casal, um carro e um cão atravessam juntos o estreito de Gibraltar, não é mesmo?

Rafa a viajar pelas Áfricas…mas como assim?!

Pois bem, a primeira vez do nosso Rafita no continente africano tinha de ser muito especial e bem planeada. Portanto nada melhor do que seguir à risca todas as indicações que obtivemos junto de algumas entidades. Tanto do próprio médico veterinário, como organismos públicos (como o DGAV) para sabermos exatamente quais os documentos e vacinas obrigatórios a apresentar.

Junto do médico veterinário, foi necessário tratar do passaporte deste cãozinho tão viajado e garantir que todos os dados estavam atualizados. Como a vacina da raiva, o microchip, a titulação dos anticorpos da raiva em laboratório credenciado e as desparasitações. Para regressar à União Europeia, todos estes elementos são obrigatórios.

Foi também importante uma pesquisa exaustiva na internet sobre possíveis raças proibidas em Marrocos. Afinal, é uma cultura bastante diferente da nossa. Mas felizmente não tivemos qualquer tipo de problema desse género com o nosso Rafa.

É sempre útil uma caixa de transporte adequada ao tamanho do animal. Por exemplo estas, que são aprovadas para viagens de avião. Pois por vezes, em ferries, pode ser obrigatório o transporte do animal dentro do carro, preso com cinto de segurança ou em caixa de transporte. (Felizmente, neste caso não aconteceu, eheh)

A bordo do Nápoles Lima Sol

Não temos um jipe todo-o-terreno, mas o nosso carrinho foi connosco até Marrocos. Ah pois é! Foi um processo até bastante simples comparando com o transporte de um cão. Apenas pedimos para que o nosso lugar de estacionamento dentro do ferry boat Nápoles Lima Sol pudesse ser bem fresquinho, já que o Rafa iria ficar dentro do carro com os vidros abertos.
No entanto, quando chegámos ao porto de Algeciras, éramos aparentemente os únicos prontos para fazer a travessia. Pois estavam temporariamente interditas todas as entradas e saídas no porto de Tânger, devido ao nevoeiro. 

Passadas algumas horinhas, pudemos então prosseguir para o check-in. Comprimidos para o enjoo tomados, foi só seguir viagem! 🙂

Chegada a Marrocos: 5 estrelas para a simpatia

Cerca de 1 hora mais tarde, e depois de preenchermos as declarações de entrada em Marrocos, já estávamos no porto de Tanger Med. Na alfândega, foi-nos exigido o preenchimento de mais um documento para entrada no país. Como não tínhamos a certeza de alguns dados, pedimos ajuda a dois polícias. Estes, para além de prestáveis e extremamente simpáticos, partilharam connosco o seu pequeno-almoço! Foi impossível dizer que não àquele cházinho e ao pão com ovo. E até o Rafita provou! Mas não sabemos se aprovou (como podes ver no vídeo). 🙂

À saída da alfândega, já na fronteira de Marrocos, começámos por avistar vendedores de cartões de internet. E, como já deves estar a imaginar, era mesmo do que precisávamos para umas férias perfeitas naquele país! Foi só escolher a capacidade de cada SIM, sendo que 1GB=1€ e voilà! Internet para doze dias sem preocupações com o plafond! 🙂

De seguida, algo bastante importante: levantar dinheiro. Mas com a Revolut, foi tudo muito mais simples! Já te contámos que somos fãs desta aplicação? Vê a nossa review sobre ela!
Podes pedir aqui o teu cartão gratuito e terás a tua vida simplificada!
Pois é, neste tipo de viagens internacionais, é muito prático utilizar o cartão da Revolut, já que é tudo feito através da Internet, associado ao vosso smartphone e sem taxas internacionais nos pagamentos. Para levantamentos até 200€ por mês, também não é cobrada qualquer taxa (na versão gratuita).

Em conclusão, para início de estadia, a simpatia dos marroquinos já merece 5 estrelas! Fronteira de Marrocos atravessada com sucesso! Mas melhor ainda estava para vir, por isso vê a nossa playlist sobre Marrocos e fica por dentro de todos os pormenores!

Até ao próximo artigo!

Beijinhos, abraços e lambidelas

Sara, Pedro e RAFITA 🐶

Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV)
Quanto custa viajar para Marrocos?

por:

TUGA.ME team